28/10/2016 às 13:12 - Atualizado em 28/10/2016 às 13:13

Inflação dos serviços afeta receita do setor

Em agosto, a receita bruta do setor de serviços cresceu apenas 0,1% na comparação com o mês de julho, segundo dados da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada hoje (17) pelo IBGE. Apesar da segunda alta consecutiva, houve desaceleração ante os +3,0% registrados na passagem de junho para julho. Em relação ao mesmo mês de 2012, houve expansão de 6,6% também com desaceleração frente à variação anual ocorrida em julho (+9,1%).

Para Fabio Bentes, da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o resultado da PMS de agosto não foi bom. “O segundo semestre é um período de aquecimento sazonal do setor de serviços e o crescimento nominal apontado pela pesquisa revela uma queda real na sua receita, de aproximadamente 0,5%. A inflação de serviços tem atrapalhado bastante a receita do setor”, afirma.

O crescimento modesto do setor também se reflete na evolução do emprego no setor terciário, caracterizado pelo uso intensivo de mão-de-obra. Assim como a receita nominal dos serviços tem apresentado ritmo de crescimento ligeiramente mais fraco ao longo de 2013 (+8,4%) do que no ano passado (+10,0%), a variação do pessoal ocupado nesses segmentos do setor terciário tem apresentado crescimento menor no acumulado deste em ano (+2,6%) do que em 2012 (+2,7%). A geração total de empregos formais no País acusou alta de 2,7% no acumulado do ano até agosto.

As séries divulgadas pelo IBGE em agosto tiveram início em janeiro de 2012 e ainda não contam com deflatores próprios nem com ajustamentos sazonais. Os serviços de educação, saúde e financeiros não são pesquisados. Ainda assim, os demais subsetores respondem por 36,5% de todo o valor adicionado bruto gerado pela economia e por 34,6% do pessoal ocupado no país. Valendo-se da variação dos preços dos serviços do IPCA referente aos últimos doze meses (+8,6%) como deflator da PMS, a receita do setor de serviços teria acusado retração real de -1,8% no período.

 

Ascom/CNC